Fernando Pessoa...

Um pequeno poema de Fernando Pessoa, para abrir o dia 05...
 

Todo começo é involuntário.
Deus é o agente.
O herói a si assiste, vário
E inconsciente.

À espada em tuas mãos achada
Teu olhar desce.
"Que farei eu com esta espada?"

Ergueste-a, e fez-se.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

A relação entre arte e filosofia

A mão amada

O mito da caverna interpretado por Marilena Chauí