Conceitos sobre autoria

Caros leitores, me atrevo a tentar definir alguns conceitos sobre autoria. Vejamos:
Autor medieval: baseado na noção de auctoritas, é a negação do autor presença. É onde os discursos giram no entorno do rótulo de autoridade. Não há expressão da subjetividade, mas representação (cópia) do afeto (algo externo).
Autor presença: o autor é o sujeito onisciente do discurso e causa absoluta dele. Ele sabe tudo o que vai acontecer e provoca cada aspecto do discurso com base na sua total ciência dos fatos. É a noção mais comum (senso comum) de autor e expressa fortemente a noção de autor no romantismo.
Autor implicado: alter ego do autor empírico, criado e recriado em uma imagem-ideia durante a leitura do texto. Cada obra do mesmo autor aponta para um autor implicado diferente, em consonância com a especificidade de cada obra.
Autor modelo: sujeito a quem o leitor atribui a seleção de estruturas sintáticas, de itens lexicais e de estratégias narrativas que servem de pistas para a interpretação do texto.
Autor inferido: consiste na imagem que o leitor infere do autor com base nos indícios autorais emitidos pelo texto ou transferidos pelo próprio leitor a ele.
Autor textual: tem sua existência ficcional dentro de um determinado texto, e é o enunciador do mesmo.
Autor empírico: o autor empírico é o sujeito que possui existência biográfica e psicológica extratexto, ou seja, uma existência que pode ser identificada fora do texto, sendo uma existência biológica e jurídica. Em outras palavras, autor empírico é o sujeito portador de uma identidade biográfica e psicológica fora das dimensões puramente textuais. É o autor fundador da obra.
Defina falácia intencional.
A falácia intencional pode ser definida como a tentativa de limitar o texto e seus sentidos possíveis à prévia existência de uma vontade de sentido autoral. Ou seja, seria tentar limitar todas as possíveis interpretações do texto à única intenção de expressão do seu autor e da identificação de seus sentimentos. Produz-se a falácia intencional quando se busca analisar uma obra de arte pelo viés da intenção do autor que a criou.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

A relação entre arte e filosofia

A mão amada

O mito da caverna interpretado por Marilena Chauí