Reflexões sobre o Manifesto do Partido Comunista

1. De que maneira, para Marx, acontecem as mudanças na história da sociedade?
As mudanças acontecem pelos confrontos existentes entre as classes sociais opressoras e oprimidas, que provocam mudanças e revoluções. É a partir do momento em que o sistema produtivo de uma sociedade é questionado, que as forças opositoras colocam-se e marcha de colisão, promovendo mudanças, alterações e até revoluções.

2. Por que Marx afirma que a burguesia desempenhou um revolucionário na história?
Porque foi a burguesia quem conseguiu alterar o sistema produtivo de então, predominantemente feudal, lançando as bases para o moderno capitalismo. Foi a burguesia quem destruiu, na visão de Marx, as relações feudais, patriarcais, idílicas.

3. Explique, de acordo com o texto do "Manifesto", como se caracteriza a sociedade burguesa.
A sociedade burguesa caracteriza-se por ser a detentora dos meios de produção e do capital, dominando todo o processo de trabalho, desde as suas condições até o volume e ritmo de produção, reduzindo todas as relações sociais a meras relações financeiras e monetárias.

4. De acordo com o texto do "Manifesto", como funciona a economia burguesa?
A economia burguesa funciona calcada na dominação dos processos e meios de produção, estabelecendo a acumulação do capital como meta suprema, em um mercado onde predomina a livre concorrência.

5. Explique o conceito de pequena burguesia, e exponha as razões de Marx afirmar que ela é uma classe reacionária.
A pequena burguesia é aquela parcela da sociedade que podemos chamar de “média”, ou seja, que tem aspirações de ser burguesia, mas ainda encontra-se oscilando entre a burguesia e sua detenção dos meios de produção, e o próprio proletariado. Existem os valores e as aspirações burguesas nessa parcela da sociedade, que, no entanto, está inserida nos meios de produção como produtores de pequeno alcance, ou como pequenos comerciantes. Ela é classe reacionária porque não deseja a revolução dos meios de produção, como ocorreria com a ascensão do proletariado. Antes, ela deseja a manutenção das relações de produção, mas tendo ascendido à condição de burguesia, de plena detentora dos meios de produção, do capital, e da capacidade de opressão.

6. Para Marx a classe burguesa está inevitavelmente destinada a desaparecer. Explique que argumentos ele utiliza para defender essa afirmação.

Ele defende essa afirmação com o raciocínio segundo o qual a burguesia mantém sua dominação graças à acumulação de capital nas mãos privadas.Contudo, a formação e multiplicação desse capital depende do trabalho assalariado, desenvolvido por operários que, com o crescimento das indústrias, criam associações e saem do isolamento. Essas associações acabariam com a concorrência entre os operários e tiraria da burguesia a base sobre a qual se dá a sustentação da sua dominação. Sendo assim, sua queda e desaparecimento seriam apenas questão de tempo.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

A relação entre arte e filosofia

O mito da caverna interpretado por Marilena Chauí

A mão amada