Prêmio de Dança da Funarte vai dar R$ 6 milhões em prêmios

A edição 2014 do Prêmio Fundação Nacional de Arte (Funarte) de Dança Klauss Vianna vai contemplar 82 projetos de todo o país, que receberão prêmios de R$ 44 mil a R$ 100 mil. Com investimento de R$ 6 milhões, o edital foi lançado no dia 03 no Rio de Janeiro na sede da fundação. 


O edital é dividido em três categorias: atividades artísticas para nomes consolidados, atividades artísticas para novos talentos (para proponentes com até três anos de atividades) e circulação nacional de espetáculos. As inscrições estarão abertas. Poderão concorrer pessoas físicas e jurídicas. A íntegra do edital estará disponível no Portal Funarte e as inscrições poderão ser feitas pelos Correios. Desde a última edição, o prêmio dá um incentivo especial para espetáculos da Região Norte circularem em outras regiões e para montagens de outras regiões circularem pelo Norte. 

A ministra interina da Cultura, Ana Cristina Wanzeler, abriu a cerimônia e destacou que o Norte e o Nordeste merecem maior apoio na área cultural por terem menor número de produtores em comparação com as demais regiões. “Eles acabam prejudicados. Por isso, no critério de pontuação, buscamos maior inserção desses produtores.” Ainda segundo a ministra, o número de inscrições para o prêmio cresce ano a ano e a qualidade dos projetos também tem evoluído. 

 O Prêmio Funarte de Dança leva o nome do bailarino, coreógrafo, diretor e professor de dança mineiro Klauss Vianna (1928-1992). Criado em 2006, busca financiar a criação artística em dança e a circulação de espetáculos em todo o território nacional. O presidente da Funarte, Guti Fraga, explicou que, além de grupos, companhias e cooperativas, podem se inscrever pessoas físicas com projetos para a área da dança. 

"Temos que misturar, deve ser junto e misturado, temos que abrir as portas e, cada vez mais, premiar mais gente”, completou. A ministra adiantou que, no dia 18 deste mês, haverá uma reunião para definir o planejamento estratégico para a pasta em 2015.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

A relação entre arte e filosofia

A mão amada

O mito da caverna interpretado por Marilena Chauí